Consultório médico

Doenças cardíacas são as principais causas de mortes relacionadas ao diabetes

  • 02 de outubro 2018
  • por Hellen Ribaski

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), mais de 16 milhões de brasileiros têm diabetes, o que representa 9% de toda população.

No ranking dos países com maiores números de casos, o Brasil aparece em quarto lugar, atrás apenas da China, Índia e Estados Unidos. Ainda de acordo com a OMS, o diabetes é classificado como uma das quatro maiores doenças crônicas não comunicantes do mundo, junto com câncer, doenças cardiovasculares e doenças pulmonares crônicas.

Para falar sobre o assunto a Carol Chab entrevistou no Programa Manhã da Mais a Dra Angela Nazário, endocrinologista e professora do curso de Medicina da Universidade Positivo.

 

 

Aproximadamente 75% dos pacientes portadores de diabetes também apresentam pressão alta e nível de colesterol elevado.

A doença é um fator de risco agravante para doença cardiovascular, além de aumentar de dois a quatro vezes o risco de morte por doença cardíaca.

O aumento no risco de problemas no coração ocorre porque, quando há um excesso de glicose no sangue, os danos causados pelo colesterol elevado e pela pressão alta nos vasos sanguíneos são maiores e propicia a formação de placas de aterosclerose que entopem as artérias. Com isso, as chances de desencadear um infarto fulminante são maiores.

Controlar o excesso de peso, realizar exercícios físicos regularmente, cessar o tabagismo e manter uma alimentação saudável estão entre as práticas que podem ser feitas como forma de prevenção da doença cardiovascular.

COMPARTILHE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *